sábado, 23 de agosto de 2008

Eu, Caê e Zunguinha

Show em homenagem à Tom Jobim

A julgar pelos aplausos, o show do Roberto e Caetano em homenagem ao Tom Jobim foi muito bonito.
Considero um momento muito importante em minha carreira e confesso que em alguns momentos eu estava me "sentindo" com aquele Teatro Municipal cheio de celebridades, aquela musica envolvente, minha dupla "Caê e Zunguinha" arrasando, eu, regendo uma orquestra que tocava bonito, pensei muito em Deus ao mesmo tempo em que olhava o Zunguinha e pensava:"obrigado, Roberto Carlos por me proporcionar tudo isso", "obrigado, Caetano Veloso por tudo que voce me falou, antes de começar o show".
Amigos, o Roberto é meu querido amigo, meu compadre, meu "chefe", "patrão", conselheiro, o cara pra quem eu gostaria de ter feito uma música como "Amigo".
Isso, eu sempre soube mas o Caetano é uma amizade nova, um amor de pessoa,um gentleman e passa a partir de agora a habitar o meu coração. Tenho por hábito adotar como amigo as pessoas que são carinhosas comigo, Caetano Veloso é demais!!!Que Deus proteja ele sempre...
Bem, acho que participei, de alguma forma, de um momento que ficará para a história da musica desse país.
Vejam se eu estou "podendo"...recebí em meu camarim os cumprimentos de: Roberto Talma, diretor de nucleo denovelas da TV Globo, Roberto Minczuk, regente da Orquestra Sinfonica Brasileira, Debora Colker, genio da dança no Brasil, Rogerio Flausino Jota Quest, Malu Mader, Toni Beloto, Regina Casé, Monique Gardemberg, diretora do evento, Nelso Motta(produtor), Paula Lavigne, empresária do Caetano e muitos outros que nem consigo lembrar.
Espero que voces gostem quando for ao ar na TV Globo em setembro.

Inesquecível
Inesquecível
Inesquecível... " e por isso estou aqui"

Eduardo